SÉRGIO ABRANCHES VENCE PRÊMIO LITERÁRIO NACIONAL PEN CLUBE DO BRASIL 2018

 

Por ocasião da festa de comemoração dos 83 anos de fundação do PEN Clube do Brasil (1936 – 2019), realizada em 29 de abril  p. passado, na sede social do Clube (Praia do Flamengo, Rio de Janeiro), a escritora e curadora do PEN, Luiza Lobo (foto ao lado), entregou o troféu do Prêmio Literário Nacional PEN Clube do Brasil 2018 ao escritor e jornalista Sérgio Abranches. Criado em 1938, o certame está reconhecido como um dos mais antigos e prestigiosos do país e já premiou centenas de grandes escritores brasileiros.

O reconhecimento

A Curadoria do Prêmio Nacional PEN Clube do Brasil 2018 considerou relevante o domínio de Sérgio Abranches sobre a abordagem do tema do livro  A era do imprevisto: A grande transição do século XXI, ensaio publicado pela  editora Companhia das Letras, em 2017, que trata das profundas mudanças sociais do século atual, privilegiando a dúvida como exercício de reflexão e, também, como meio adequado para “lidar com os tempos que se anunciam”. 

O Autor

Sérgio Abranches nasceu em Curvelo, Minas Gerais, em 1949. É bacharel e mestre em sociologia pela Universidade de Brasília, mestre e PhD. em política pela Universidade Cornell, estado de Nova York. Autor de Copenhague: antes e depois (Civilização Brasileira, 2010); O pelo negro do medo (Record, 2012); Que mistério tem Clarice? (Biblioteca Azul, 2014); A era do imprevisto: A grande transição do século XXI (Companhia das Letras, 2017); e Presidencialismo de coalisão: Raízes e evolução do modelo político brasileiro (Companhia das Letras, 2018).

É também comentarista de política e meio ambiente da rádio CBN.